Portuguese English French German Italian Russian Spanish
Início > Artigos > Artigos

Artigos

 
  • Afastamento de coronel foi importante

    O Globo, em 23/08/2021

    O afastamento do coronel da Polícia Militar de São Paulo que fez ofensas pesadas a ministros do STF, ao governador João Doria e convocou para as manifestações de sete de setembro foi uma boa ação. A atitude do Comando Geral é importante para controlar a tentativa de avanço bolsonarista nas polícias militares e reforça o caráter legalista e de respeito à Constituição da Corporação. E é fundamental porque Bolsonaro alimenta a subversão, na tentativa de ter uma força armada para apoiar um golpe, ou uma rebelião. 

  • A Casa Desunida

    O Estado do Maranhão, em 22/08/2021

    Perdidos na perplexidade da desarmonia do Estado, o Brasil se arrisca a deixar de lado o problema fundamental que é sua própria razão de ser: a trilogia liberdade, igualdade, fraternidade, no mote da revolução francesa, o direito à felicidade, na fórmula de Jefferson. O que, quando comecei a fazer política, há tantos anos, chamávamos de justiça social.

  • Ousadia de um fraco

    O Globo, em 21/08/2021

    Ao anunciar que apresentará outro pedido de impeachment de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), desta vez Luis Roberto Barroso, o presidente Bolsonaro dobrou sua aposta no caos, como é de seu feitio de blefador compulsivo. Só faz piorar sua situação, pois a cada arruaça institucional que promove, ajuda a afundar seu governo e abre caminho para que seja abandonado por sua base parlamentar trânsfuga.

  • Indignidade absurda

    O Estado de S. Paulo, em 20/08/2021

    Está havendo um enorme equívoco dos negacionistas e apoiadores do presidente (se é que se pode chamar tal homem de presidente), que vêm usando a morte de Tarcísio Meira na campanha antivacinação. Mais do que equívoco, demonstração de oportunismo, safadeza e mau-caratismo.

  • Bolsonaro quer botar fogo na crise

    O Globo, em 20/08/2021

    O presidente Bolsonaro “ameaça” discursar no dia 7 de setembro e, como é descontrolado, vai botar fogo nessa crise. Com uma multidão pedindo a saída de ministros do STF, voto impresso, e outras coisas, não terá palavras sóbrias; não vai dar certo. Vai querer mostrar que o povo está do lado dele e será difícil se controlar. A ação da Polícia Federal contra Sergio Reis e Ottoni de Paula é uma demonstração clara de que não dá para brincar. Não é possível incentivar revolução, invasão do STF e quebra-quebra no Congresso e ficar por isso mesmo. Mas grave mesmo é quando o presidente toma essa atitude, demonstrando total inconsequência, sem avaliar o que pode acontecer a partir daí. Ou até avalia, e acredita que a arruaça vai favorecê-lo. Esse é o perigo, quando o presidente da República chega a esse ponto.

  • Esses tempos estranhos

    O Globo, em 19/08/2021

    A reunião do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com os representantes de plataformas digitais como Facebook, YouTube, Instagram, Twitter e outras, para definir regras de pagamento a sites e plataformas durante o período eleitoral com o objetivo de evitar a propagação de fake news, deveria estabelecer critérios mais rígidos de monetização das notícias também em tempos além do eleitoral.

  • Doria fortalece sua campanha

    O Globo, em 19/08/2021

    O governador João Doria começa a fazer movimentos importantes para sua campanha às prévias do PSDB para a presidência: nomeou o deputado Rodrigo Maia secretário de seu governo e recebeu o apoio formal de Fernando Henrique Cardoso. Ao mesmo tempo em que Maia vai trabalhar nas bancadas paulistas, terá papel durante a campanha, para fortalecer o palanque no Rio. Ele tem bom trânsito na área financeira e pode levar a palavra do candidato para essa área. Doria terá outras pessoas importantes em outros estados, não necessariamente políticos na ativa,  para ajudar a nacionalizar sua campanha. O apoio de FH é importante e dentro do PSDB tudo indica que ganhará as prévias.

  • Rodrigo Pacheco é a voz sensata

    O Globo, em 18/08/2021

    O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, está tendo um papel importante nesse momento conturbado da política. Com seu jeito mineiro, marca posição e procura acalmar a situação. Mas pode entrar na lista de adversários de Bolsonaro, já que seu nome foi lançado à corrida presidencial pelo ex-ministro Gilberto Kassab. Cada passo que ele der será tomado como atitude contrária ao presidente. Está se colocando como político sensato, habilidoso, que quer o diálogo, o que é uma opção importante para quem quer se viabilizar como terceira via.  Na discussão política partidária, o Senado está tomando posições importantes, como ficar contra as coligações. Acredito que não haverá espaço por lá para votar a reforma eleitoral já aprovada na Câmara. Não tem sentido fazer mudança numa reforma já feita em 2017 e que precisa ser aprovada rapidamente, sem o debate necessário.  2022 será a primeira experiência da reforma de 2017 em eleições para o Congresso. Não tem sentido mudar mais uma vez antes de ela acontecer.

  • O imoderado Bolsonaro

    O Globo, em 17/08/2021

    Na sua busca cotidiana do confronto, o presidente Bolsonaro replicou nas suas redes sociais uma convocação para uma “manifestação gigante” no dia 7 de setembro que demonstre que ele tem a força popular para executar “um bastante provável e necessário contragolpe”. O apoio significa uma perigosa validação do governo a uma ilegalidade.

  • A Bíblia não é a Constituição

    O Estado de S. Paulo, em 15/08/2021

    “Notável saber jurídico” e “reputação ilibada” são os critérios de escolha de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) estabelecidos pela Constituição. A sua indicação cabe ao presidente da República, mas a escolha só se efetiva depois de avaliação e aprovação pela maioria absoluta do Senado Federal.

  • A Preguiça e a Covid

    O Estado do Maranhão, em 15/08/2021

    A cada dia surgem descobertas e divulgam-se trabalhos acadêmicos sobre as consequências da Covid-19 e os efeitos da necessária prevenção - ficar em casa, em quarentena, isolar-se - para evitar contágios e o sofrimento dos que ficaram com sequelas da doença, algumas graves, como as que atingem o cérebro, mostrou a Universidade de Oxford.

  • Rio de Janeiro, DF

    O Globo, em 15/08/2021

    A volta da capital para o Rio de Janeiro tem sido apontada como solução para a crise política e econômica que por anos vem dominando a cidade que, apesar dos pesares, continua sendo símbolo da nacionalidade, dentro e fora do país, a cidade brasileira mais visitada pelos estrangeiros.

  • Interpretação

    Tribuna Online, em 15/08/2021

    O que é da razão ou da criação humana se interpreta. O que é de Deus, é revelado. Mas sempre há um mistério Nele, que é encoberto.

  • A Cinemateca que amamos

    O Estado de S. Paulo, em 13/08/2021

    Certo dia, início de 1953, tomei o trem das 6 h 10 em Araraquara (ou seria 6h 05? Os horários eram estranhos, mas respeitadíssimos) rumo a São Paulo. Uma viagem inquieta. Eu não passava de um garoto, crítico de cinema há poucos meses, e tinha horário marcado com a Cinemateca Brasileira, onde conversaria com Paulo Emílio Salles Gomes, Rudá de Andrade e Caio Scheiby. Como me atenderiam? O encontro tinha sido marcado por Carlos Vieira que, na época, era o grande batalhador pela implantação de cineclubes Brasil afora. Com seu sotaque português, Vieira era a vanguarda e sustentáculo no cineclubismo brasileiro. Felipe Macedo, em postagem na internet, assim o definiu: 'Nos anos em que todos se sentiam cinéfilos, Vieira era como que o centro irradiador do intercâmbio que ligava diversos cineclubes extremamente importantes na vida de diversas cidades do interior paulista'.

  • Prisão em defesa da democracia

    O Globo, em 13/08/2021

    Há muito tempo que o ex-deputado Roberto Jefferson anda se excedendo nas redes sociais, com ameaças de fuzilamento, arma na mão e outros absurdos. Um presidente de partido político não pode fazer uma coisa dessa e por isso, a prisão foi justa. Ele enveredou por um caminho de sedição, de defender revolução armada, que os deputados de seu partido não querem e por isso metade deles está entrando no STF com pedidos para deixar o PTB e manter o mandato.