Início > Noticias > Acadêmico Alberto Venancio Filho faz a palestra de abertura do ciclo “Memória Reverenciada”

Acadêmico Alberto Venancio Filho faz a palestra de abertura do ciclo “Memória Reverenciada”

O advogado e Acadêmico Alberto Venancio Filho, coordenador do ciclo “Memória Reverenciada”, foi o palestrante da conferência de abertura – Lúcio de Mendonça e a fundação da Academia. O evento foi realizado no dia 7 de outubro, às 17h30min, no Teatro R. Magalhães Jr., Avenida Presidente Wilson 203, Castelo, Rio de Janeiro. A entrada foi franca.

Serão fornecidos certificados de frequência.

O Acadêmico Antonio Carlos Secchin é o coordenador geral dos ciclos de conferência de 2014.

“Memória Reverenciada” terá mais três palestras, sempre às terças-feiras, no mesmo local e horário, com os seguintes dias, conferencistas e temas, respectivamente: dia 14, Nísia Trindade Lima, Ciência brasiliana: conhecimento e nacionalidade na obra de Roquette-Pinto; 21, Acadêmico Antonio Carlos Secchin, Gonçalves Dias: poesia e etnia; 28, Acadêmico Tarcísio Padilha, Coelho Neto: a riqueza da linguagem.

Os ciclos de conferências, com patrocínio da Petrobras, são transmitidos ao vivo pelo portal da ABL.

Saiba mais

Sexto ocupante da Cadeira nº 25, eleito em 25 de julho de 1991 é bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade  de Direito da então Universidade do Brasil. É advogado militante no Rio de Janeiro desde 1957.

Entre as diversas funções administrativas e educacionais exercidas.  foi Secretário Executivo da Comissão de Ciências Sociais do Instituto Brasileiro de Educação, Ciência e Cultura – IBECC; organizador do Plano Inicial da Faculdade de Direito da Universidade de Brasília; Coordenador da Assessoria Técnica da Presidência da República, responsável pelos assuntos educacionais e culturais; Assistente da Diretoria do Ensino Superior do Ministério da Educação e Cultura; Assessor do Prof. Carlos Chagas Filho, designado pelo Ministro da Educação, na reunião da Comissão Especial para Programação da Educação, Ciência e Cultura da Organização dos Estados Americanos  em Washington; perito participante do Seminário sobre Organização e Administração de Empresas Públicas da Organização das Nações Unidas em Genebra; Diretor Executivo do Centro de Estudos e Pesquisas no Ensino do Direito (CEPED) da Universidade do Estado da Guanabara.

Foi Membro do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil; Diretor do Instituto de Estudos Políticos e Sociais – IEPES; Membro do Conselho Consultivo da Fundação Casa de Rui Barbosa; Membro da Comissão Provisória de Estudos Constitucionais; Membro do Conselho de Administração da Fundação Petrônio Portela; Membro do Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana; Membro do Conselho Fiscal da Fundação Casa de Rui Barbosa; Presidente do Conselho de Administração do Instituto Brasileiro de Administração Municipal.

No magistério, foi Professor da Cadeira de Introdução ao Desenvolvimento Brasileiro da Escola Brasileira de Administração Pública – EBAP, da Fundação Getulio Vargas; Coordenador do Curso de Direito Especializado, realizado em convênio entre o Ministério das Minas e Energia e a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e Professor substituto da Cadeira de Pensamento Político Contemporâneo do Instituto Rio Branco.

É autor das seguintes obras: A Intervenção do Estado no Domínio EconômicoDas Arcadas ao Bacharelismo (Cento e cinqüenta anos de ensino jurídico no Brasil); Notícia Histórica da Ordem dos Advogados do Brasil (1930-1980); Elogio de Afonso Arinos (Discurso de posse na Academia Brasileira de Letras e resposta de Américo Jacobina Lacombe; Francisco Venancio Filho – Um educador brasileiro (Organização, apresentação e esboço biográfico); Machado de Assis Presidente da Academia Brasileira de Letras. ABL e Notas Republicanas.

Entre os textos publicados destacam-se os prefácios e introduções das obras os Problemas de Política Objetiva e Problemas de Direito Corporativo de Oliveira Vianna; Coronelismo, Enxada e Voto de Victor Nunes Leal; Folhas de Outono de Fernando Bastos d´Avila; Uma bibliografia de Lourenço Filho e História e Interpretação de Os Sertões de Olympio de Souza Andrade.

É autor de diversos e significativos artigos sobre História, Política e Direito.

Entre as inúmeras instituições a que pertence é Sócio efetivo do Instituto dos Advogados Brasileiros; Sócio efetivo do PEN Clube do Brasil; Sócio efetivo do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro; Membro da Academia Brasileira de Letras; Membro vitalício do Conselho Diretor da Associação Brasileira de Educação); Membro da Société Internationale des Amis de Montaigne, Paris; Membro da Academia Brasileira de Educação; Membro do Conselho da Association Internationale – Maison d’Auguste Comte, Paris.

 

7/10/2014

 

01/10/2014 - Atualizada em 30/09/2014