Início > Noticias > Série “MPB na ABL” apresenta o show “Meio século sem Ary Barroso”

Série “MPB na ABL” apresenta o show “Meio século sem Ary Barroso”

A série “MPB na ABL” de abril de 2014 apresentou o espetáculo “Meio século sem Ary Barroso”, com os cantores Clara Sandroni e Marcos Sacramento. O show teve ainda a participação do jornalista e musicólogo Ricardo Cravo Albin, responsável por um bate-papo informal com o público. O evento aconteceu no dia 9 de abril, quarta-feira, às 12h30min, no Teatro R. Magalhães Jr., 280 lugares, Avenida Presidente Wilson 203, Castelo, Rio de Janeiro. A entrada foi franca.

O evento foi transmitido ao vivo pelo portal da ABL.

Saiba mais

Clara Sandroni nasceu no Rio de Janeiro, é cantora profissional desde 1981 e professora de canto popular desde 1991. Começou a carreira como atriz-cantora no musical Godspell. Montou seu primeiro show solo - Bem Baixinho – em 1983, e, a partir de então, fez shows e lançou os seguintes discos e CDs: Autorais – Clara Sandroni – independente (1984); Daqui – independente (1987); Clara Sandroni – Kuarup (1990) – relançado pela Biscoito Fino em 2004; Cassiopeia, independente (2007); Gota Pura, Biscoito Fino (2010). Graduada em Música pela UNIRIO em 2006, Mestre em Música pela UFRJ em 2013, e doutoranda em Música pela UNIRIO (atual). Desde 2005 dirige o Centro Cultural Casarão de Austregésilo de Athayde (RJ).

Marcos Sacramento Iniciou sua carreira em 1984. Lançou o primeiro disco, A Modernidade da Tradição, naquele ano, e, a seguir, Caracane, em 1998. Em 2002, a Biscoito Fino lançou o CD Saravá, Baden Powell!, dele com a cantora Clara Sandroni. Ao longo de 30 anos de carreira, vem-se consolidando como um dos mais destacados intérpretes da MPB. Tem sido convidado para fazer parte de algumas trilhas sonoras da Rede Globo, como na novela “Insensato Coração”, e nas séries “As Cariocas” e “As Brasileiras”, além de duas edições do “Som Brasil”. Em 2010/2011, participou do musical “É com esse que eu vou”, dirigido por Claudio Botelho e escrito por Sérgio Cabral e Rosa Maria Araújo. Em 2013, integrou o elenco de “Ary Barroso do princípio ao fim”, escrito, dirigido e produzido por Diogo Vilela. Este ano, está gravando seu décimo primeiro CD, “Autorretrato”, em comemoração aos 30 anos de carreira.

Veja também

Perfil da ABL no Twitter
Curta no Facebook

9/4/2014

03/04/2014 - Atualizada em 02/04/2014